currículo

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Jogo de Interesses


Não frequento um cassino 
nem conheço um crupiê
Mas no fundo tenho tino
Agora somos eu e você!

Uma vez dentro do jogo
Posso até mesmo arriscar
Sinto-me no meio do fogo
Gosto mesmo é de provocar

Quando sou desafiada
Meu sangue entra em ebulição
Dou a melhor gargalhada
Não escondo minha intenção

Na manga tenho algumas cartas 
Se for preciso, sei blefar
Um suspiro, lembro das regras
Apenas não quero ser vulgar

Nem pense que vou desistir
Que me amedronta, que vou correr
Vou até o fim, sei me divertir
E não me deixarei vencer.


(by ciça)

2 comentários:

  1. "Faites vos jeux, rien ne va plus".
    :)

    ResponderExcluir
  2. No jogo da vida, quando fazemos apostas, devemos estar cientes dos riscos... ;)
    Um abraço, Rui!

    ResponderExcluir